Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

100 Borboletas no estômago

100 Borboletas no estômago

Dom | 02.02.20

Mediocricidade

Tânia Garcia

Oi pessoas 😉
Bem após uma longaaa análise e a pedido de várias famílias (😂) decidi escrever este post.
Então tudo começou quando ia eu toda descontraída da vida ao supermercado e para poupar as minhas perninhas decidi apanhar o elevador do Castelo. Eis senão que me deparo com este aviso no mínimo sui generis.
E na palhaçada lembrei me, vá se lá saber porquê, de uma professora que tinha em técnicas laboratoriais que não dava nota de insuficiente ou não satisfaz, mas sim de mediocre.
E aí pensei que talvez fosse por isso a venda de louro nas ruas.
Será que tinhamos ali o cientista da cura para o cancro perdido na mediocricidade da coisa?
Eu sei o que me custava aquela nota (confesso que só a tive 2 vezes).
Mas ser mediocre é muitooo pior que ser insuficiente.
Ser insuficiente quer dizer que não foi desta, mas mediocre? Epa mediocre é o mesmo que dizer: "Lamento minha filha mas dedica-te à pesca!"
Fiquei traumatizada com a coisa durante imenso tempo, mas só agora falando no assunto é que percebo isso.
E pronto contra a mediocricidade nas escolas públicas e privadas portugueses.
Mais insuficientes por favor.

received_1430831350270336.jpeg

 


E talvez em vez de louro prensado nas ruas, comecemos a ver maçons disfarçados de carteiristas. 😂😂😂